terça-feira, 7 de fevereiro de 2017

O que fazer em Belo Horizonte em um final de semana? Roteiro de 3 dias na Cidade de Belo Horizonte

A Cidade de Belo Horizonte, capital de Minas Gerais, é uma excelente opção para quem deseja fazer uma viagem curta de apenas um final de semana.

Estivemos recentemente na Capital para um roteiro de 3 dias, e nos surpreendemos com as maravilhas da Cidade. Bem estruturada e cosmopolita, como uma mega metrópole, ainda conserva ares do interior em seus infinitos botecos espalhados pela Cidade. Não foi à toa que beagá, como é carinhosamente chamada por seus moradores, é conhecida como a Bélgica brasileira.

Inhotim



COMO CHEGAR:


A maneira mais rápida de se chegar a Belo Horizonte a partir do Rio de Janeiro é de avião. 

Dois são os aeroportos que atendem à Cidade: o Aeroporto da Pampulha e o Aeroporto Internacional de Confins. 

O aeroporto da Pampulha é bem próximo do Centro da Cidade, distando aproximadamente 10km, porém recebe um menor número de voos. O aeroporto internacional de Confins, distante aproximadamente 50 km do Centro da Cidade, possui uma maior malha aérea, e opções de voos bem mais baratos. Essa foi nossa opção para chegar a Belo Horizonte nas duas oportunidades em que estivemos na Cidade.

Inhotim

Ambas os aeroportos possuem ligação direta com o Centro da Cidade através dos ônibus 'conexão aeroporto', nas opções ônibus convencional, executivo e urbano. O trajeto é operado pela empresa Unir (Tel: (31) 3689-2415)

Para conferir mais sobre os horários, valores e pontos de partida do aeroporto para o centro da Cidade, acesse o site www.conexaoaeroporto.com.br.


QUANDO IR:


Belo Horizonte possui as estações bem definidas, sendo uma excelente opção de passeio durante todos os meses do ano. Então, se você está se perguntando quando ir a Belo Horizonte? A resposta é sempre!

Janeiro, por se tratar do período de férias escolares, apesar de ser a época mais quente, possui melhor trânsito, o que possibilita um melhor deslocamento na Cidade. 

COMO SE LOCOMOVER: 


A maneira mais prática de se locomover na Cidade de Belo Horizonte é o transporte público.  

Desde a saída do aeroporto, com conexão direta ao centro da Cidade através de ônibus com boas tarifas, até o deslocamento dentro do Centro, que pode ser feito por curtas caminhadas,  ou através de táxis, ônibus ou uber, o transporte público de BH se apresenta rápido, barato e eficiente.

Inhotim

Nós alugamos um carro assim que chegamos ao aeroporto, pois encontramos uma excelente tarifa para uma locação de última hora. De todas as locadoras do balcão do aeroporto, o melhor preço encontrado foi com a Lokamig. Mas, se o objetivo for circular apenas no Centro de Belo Horizonte, o carro é totalmente dispensável. 

Sem contar que, por ser conhecida como a Capital dos botecos, Belo Horizonte por si só não combina bem com direção né? 


ROTEIRO DE 3 DIAS NA CIDADE DE BELO HORIZONTE:


Dia 01: 


Aproveitamos um feriado na sexta feira para um final de semana prolongado na Cidade de Belo Horizonte. 

Depois de um voo de 45 minutos pela Gol ( RIO- BH) , chegamos por volta das 10:00 hs no Aeroporto de Confins, onde alugamos um carro, e partimos direto para a nossa primeira parada, a Gruta da Lapinha.

A Gruta da Lapinha fica localizada no Parque Nacional do Sumidouro, no município de Lagoa Santa. Como Lagoa Santa fica mais perto do aeroporto do que do Centro de BH, optamos por conhecer a Gruta logo na saída do aeroporto, antes mesmo de fazermos o check in no hotel, no Centro de BH.

Gruta da Lapinha

O passeio pela Gruta da Lapinha possui um custo de R$15,00 por pessoa. Um guia nos apresentou o Museu Peter Lund e logo após, descemos para a incursão na Gruta, acompanhados de dois guias. É um passeio sensacional! 

Gruta da Lapinha

O Parque Nacional do Sumidouro funciona de terça a domingo, das 10:00 horas às 17:00 horas.

Ao fim do passeio, seguimos para o Centro de Belo Horizonte, onde ficamos hospedados no Hotel Hilton Garden Inn, localizado no Bairro Cidade Jardim.

Hotel Hilton Garden Inn

Para saber mais sobre nossa hospedagem em Belo Horizonte, confira:

+ Hotel Hilton Garden Inn - dica de onde se hospedar (muito bem) em Belo Horizonte/MG


Nossa próxima parada foi o Mercado Central de Belo Horizonte. Deixamos o carro estacionado no hotel e seguimos de uber para conhecer o que BH tem de mais famoso: a tradição dos botecos. O Mercado Central vende absolutamente de tudo e possui alguns restaurantes e muitos, mas muitos, botecos. 

Mercado Central de Belo Horizonte

Circulamos pelo Mercado e optamos em almoçar por lá. Nosso cardápio? Feijão Tropeiro com torresmo, acompanhado de uma cerveja gelada.

Mercado Central de Belo Horizonte

Depois de conhecer o Mercado, seguimos para a Höfbrauhaus, a única sede da Cervejaria alemã na América Latina. 

Hofbräuhaus Belo Horizonte

Achamos a cervejaria bem legal e muito bem decorada, mas sentimos falta daquela energia contagiante da Cervejaria em Munique. Mas a cerveja é ótima e os petiscos alemães deliciosos, mas isso já é assunto para um outro post... Mas já adianto que deu pra matar as saudades da Alemanha.

Hofbräuhaus Belo Horizonte

Depois de experimentar várias delícias mineiras e alemãs, e de muitos chopps e cervejas, retornamos ao hotel para descansar da viagem e relaxar um pouco na jacuzzi do hotel.

Dia 02:


Reservamos o segundo dia do nosso roteiro para conhecer o Inhotim, o maior museu de arte contemporânea a céu aberto da América Latina. 

Inhotim

O Instituto Inhotim fica localizado em Brumadinho, Cidade localizada a aproximadamente 60 km de Belo Horizonte. 

Nós seguimos de carro até o Inhotim pela BR-262, numa viagem de aproximadamente 01 hora, mas existe a opção de transporte público até lá. Os ônibus partem da Rodoviária, localizada no Centro da Cidade. 

Inhotim

O ingresso para o Inhotim possui o custo de R$40,00. Existe ainda a opção de carrinhos para circular no interior do Parque ao custo de R$25,00. O lugar é muito grande e eu sugiro a reserva dos carrinhos. 

Inhotim é lindíssimo e vale muito a visita.

Retornamos ao hotel e nos refrescamos do calor intenso na jacuzzi do hotel. Escolher um hotel com boa infraestrutura e localização faz toda a diferença.

Hotel Hilton Garden Inn

À noite saímos para conhecer a região da Savassi, tradicional pelos bares e restaurantes. 

Nessa noite conhecemos o maior slogan da Cidade: BH não tem mar, mas tem bar! E essa é a maior tradição da noite mineira, botecar! 

Botecando na Savassi

Escolhemos o Bar Ideal para curtir a noite de BH, na Savassi, na companhia de nossos amigos Bruno, do @viajandocombrunosgromo e Cristina e Renato, do Blog Pegadas na Estrada.

Dia 03: 


Se você estiver em Belo Horizonte no domingo, não pode perder o principal point da Cidade, a Feira de Artes e Artesanato na Avenida Afonso Pena, mais conhecida como Feira Hippie. Uma feira gigantesca, onde você encontrará de tudo um pouco: roupas, sapatos, bolsas, bijuterias, artigos de decoração, móveis, gastronomia e muita cerveja gelada! 

Feira de Artes e Artesanato de Belo Horizonte (Feira Hippie)

Aproveitamos que estávamos na feira para espiar o Parque Municipal Américo Renné Giannetti, logo ao lado da feira. Um parque lindíssimo!

Parque Municipal Américo Renné Giannetti

O domingo estava chegando ao fim, e nós retornamos ao hotel para fazer o check out e seguir para o aeroporto. 

A dica para quem estiver com carro alugado é abastecer o veículo na estrada para o aeroporto, o último posto de abastecimento na estrada é bem em frente ao prédio da Cidade Administrativa, um prédio bem grande e espelhado. Fica a aproximadamente 17 km do aeroporto, mas o combustível é bem mais barato  do que no aeroporto.

Devolvemos o carro no próprio aeroporto e pegamos nosso voo de volta para o Rio de Janeiro.

Essa foi nossa segunda visita à Cidade de Belo Horizonte, então não refizemos o circuito de atrações principais da Cidade. Mas, deixaremos aqui as principais atrações da Cidade de Belo Horizonte para quem se animou a conhecer a encantadora Cidade.

Inhotim


PRINCIPAIS PONTOS TURÍSTICOS DA CIDADE DE BELO HORIZONTE:


  • Circuito Cultural da Praça da Liberdade
  • Complexo da Pampulha
  • Mirante das Mangabeiras
  • Mineirão
  • Rua do Amendoim
  • Palácio das Artes


E vocês? Tem alguma dica imperdível da Cidade de Belo Horizonte? Compartilhe com a gente aqui na caixa de comentários. 

Aguardem!!! Em breve eu vou contar nossas andanças gastronômicas em Belo Horizonte... Vai ter muita comida boa por aqui...


➤ Para quem deseja fazer um bate e volta às Cidades Históricas, deixo aqui algumas dicas de Tiradentes, Cidade localizada a 189 km da Capital BH.

Roteiro Gastronômico de Tiradentes e São João Del Rei: Meus cinco restaurantes eleitos para apreciar os sabores de Minas Gerais (Post Índice)


+ ROTEIRO DE 3 DIAS PELA CIDADE DE TIRADENTES - Como chegar, o que visitar, onde se hospedar e a melhor parte: onde comer na Cidade...


Pousada Pequena Tiradentes: Literalmente uma 'pequena Tiradentes' reservada somente para seus hóspedes...