domingo, 12 de outubro de 2014

Paraty, para mim e para todos nós...

O Centro Histórico de Paraty foi tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico Nacional e visitá-lo consiste em uma verdadeira viagem no tempo...

Não é permitido o tráfego de veículos no Centro Histórico, o que faz o clima da Cidade ser ainda mais bucólico. Casarões coloniais e Igrejas datadas dos séculos XVIII e XIX são cenários inspiradores para muitos fotógrafos, como também para todos aqueles que conhecem a Cidade.


O calçamento irregular, com pedras "pé de moleque" transformam a lenta caminhada em um passeio relaxante. Se você me permite uma dica, use calçados confortáveis e esqueça os saltos em sua estada a Paraty!


Na minha opinião, a melhor época para visitar Paraty é no outono.  No verão costuma chover muito, e como as temperaturas são amenas durante todo o ano, é possível aproveitar os encantos da Cidade mesmo fora do verão, quando as tarifas de hospedagem estão mais "amigas" e a Cidade não se encontra tão cheia.

COMO CHEGAR:

Paraty está a aproximadamente 250 km do Centro do Rio de Janeiro. E para se chegar até a Cidade, o visitante pode optar entre o trajeto de carro ou de ônibus. Isso em se tratando de simples mortais ~ como eu ~ mas sempre lembrando que se você possuir um jatinho ou helicóptero, essas opções seguramente serão melhores que as anteriores... Haha



A empresa de ônibus que liga o Centro do Rio à Paraty é a Viação Costa Verde e a viagem de ônibus dura em média 4,5 horas.

Para conferir os horários de chegadas e partidas, acesse o site da empresa: www.costaverdetransportes.com.br.

Já a viagem de carro -dependendo do motorista- pode durar até 3 horas. Porém a BR-101 ( Rodovia Rio Santos), estrada que dá acesso à Cidade está tomada de pardais de fiscalização eletrônica e o visitante deve estar muito atento, principalmente no período da noite, pois os radares não são muito bem sinalizados e a velocidade limite é de 40 km em alguns trechos.

CALENDÁRIO CULTURAL:

O calendário cultural da Cidade é movimentadíssimo e possui eventos para todos os gostos.



Entre os meses de julho e agosto acontece a FLIP (Festa Literária Internacional de Paraty), que reúne grandes mestres da obra literária, atraindo muitos intelectuais para a Cidade. 

Acredito que este seja o maior evento da Cidade, então reservar hospedagem e a compra de ingressos com antecedência é fundamental para participar do evento. Mas caso você tenha comido mosca e não tenha garantido seu ingresso, você ainda pode participar da Off-Flip, que acontece na Casa de Cultura. Nem pense em se sentir excluído por isso... Vários visitantes que ficaram de fora do evento oficial lotam o local em busca das leituras e lançamentos de livros, não menos importantes, que acontecem por ali.

Para maiores informações, consulte o site oficial do evento: www.flip.org.br.

Já no último final de semana do mês de agosto a Cidade fica lotada com a realização do FESTIVAL DA PINGA/ FESTIVAL DA CACHAÇA, que reúne no estacionamento da Igreja Matriz stands dos famosos alambiques da Cidade. 

Ideal para os que curtem a noite e o clima de badalação. O visitante adquire sua pequerrucha caneca presa a uma fita e tem o prazer de degustar um extenso rol de cachaças da região. Já estive no Festival da Pinga, no ano de 2010, e aconselho até mesmo para aqueles que não curtem muito a badalação da vida noturna. Além da degustação de cachaças da região, a programação do Festival conta ainda com shows musicais e apresentação de grupos de cirandeiros da região. O clima de festa deixa a Cidade com um encanto todo especial. Vale à pena conferir!


Em setembro é a vez do PARATY EM FOCO, evento focado aos amantes de fotografia. O evento reúne fotógrafos brasileiros e de outras partes do mundo em exposições, debates, workshops e lançamentos de livros. 

Tive a oportunidade de participar do evento nesta última edição (2014), fiz o workshop 'Masterclass de retrato - uma visão pessoal',  com o ilustre fotógrafo Márcio Scavone. Depois desse workshop, posso garantir que meu olhar fotográfico nunca mais será o mesmo...

Se você for um amante de fotografia, não deixe de conferir o evento. E se você não for, não perca também! Vai que um algum fotógrafo resolve te clicar pelas ruas de Paraty...

Saiba mais sobre o evento em www.paratyemfoco.com.br.

Carrinhos de doces espalhados pela Cidade

Também no fim do mês de setembro e no início do mês de outubro, Paraty abre suas portas para o evento PARATY SPA DAYS, evento que reúne spas e restaurantes com ofertas de até 40% para relaxamento de seus visitantes. 

Como marquei presença no evento Paraty em foco esse ano, aproveitei para dar uma espiadinha no Shambhala Asian Spa. Lugar aconchegante e confortável, que transmite paz e tranquilidade assim que o visitante cruza o primeiro batente da porta! Experimentei a massagem balinesa nas costas e me apaixonei!!!
  

A lista dos participantes consta no site do evento: www.paratyspadays.com.br.

Em outubro acontece ainda o MIMO (Festival de Música Instrumental em Paraty), um dos maiores festivais de música instrumental, que reúne em sua programação concertos, filmes e uma etapa educativa. 

Nesse ano de 2014 o Mimo acontecerá entre os dias 10 e 12 de outubro e, para nossa alegria, a entrada do festival é franca!!!

Corre que ainda dá tempo... Confira a programação no site do evento: mimo.art.br.

Pra quem não curte muito agito, a Cidade é uma ótima opção fora de datas festivas. Clima bucólico, boa comida e praias paradisíacas são alguns dos atrativos locais.

NÃO DEIXE DE CONHECER:

- Centro Histórico:

Além da beleza dos casarios, o Centro Histórico conta com maravilhosos restaurantes e o comércio regional de produtos típicos e muita, mas muita, cachaça artesanal... Não dá pra ficar de fora né?!? 



- Passeio de Escuna:

Na praia em frente ao Centro Histórico e ao lado da Praça da Matriz você encontrará vários barcos à disposição para um belíssimo passeio pela Baía de Paraty. A praia que banha o Centro Histórico não é própria para o banho e não revela um terço dos paraísos naturais que a Cidade tem a oferecer... São praias e ilhas paradisíacas acessíveis somente de barco. Não perca!






 - Visita aos alambiques:

Se você curte passeios com visitas interativas, o passeio aos alambiques é uma excelente opção.
Muitos deles contam com visita ao processo de fabricação da cachaça e degustação do produto, o que traz à visita um charme especial. Ainda não conheci os alambiques da cachaça paratiana, mas já estão na minha wishlist para a próxima visita!

- Igreja Matriz de Nossa Senhora dos Remédios:

Fica localizada bem em frente à Baía de Paraty, na Praça da Matriz, e chama a atenção de todos os visitantes pela sua imponência. Sua construção é datada de 1873 e é no seu altar que podemos conhecer a imagem da Padroeira da Cidade.


- Teatro de Bonecos:

Espetáculo do Grupo Contadores de Estórias, que dá vida a bonecos de pano.

Acontece às quartas e sábados, às 21 horas na Rua Dona Geralda, 327

Para maiores informações sobre o espetáculo: www.ecparaty.org.br.

Esse é atualmente meu sonho de consumo em Paraty! Mais uma atração que me espera na próxima visita.

- Cervejaria Caborê:

A poucos passos da Praça da Matriz , bem em frente ao Rio Perequê-Açu está situada a fábrica da cerveja paratiense Caborê, cerveja artesanal e sem conservantes.


Se você é amante de cerveja, não deixe de agendar uma visita com o técnico cervejeiro, o Sr. João, e conferir todo o processo artesanal de fabricação da bebida.


No ticket de visitação já está incluída a degustação dos três tipos de cerveja fabricadas: pilsen, escura e de trigo ~ minha preferida. 


Curiosidade: a cerveja Caborê de trigo foi premiada no IV Concurso da Abradeg em 2013. 

A visitação acontece às sextas e sábados às 17 horas e a cervejaria fica localizada na Av. Otávio Gama, 420.

Após a visita ao processo de fabricação, o visitante é direcionado ao bar localizado ao lado da fábrica para degustar as espécies de cerveja fabricadas, local em que também são vendidos os artigos da marca. 


Para mas detalhes, consulte o site da cervejaria: www.cervejariacabore.com.br.

Ei, e você? Está esperando o quê para colocar a 'Nécessaire na Mala' e o pé na estrada?!?


Se você gostou deste post, também poderá se interessar por:

- Dica de hospedagem em Paraty - POUSADA CASA DE PARATY!

- Roteiro Gastronômico: 5 restaurantes imperdíveis em Paraty!

- Dicas de Restaurantes em Teresópolis: Teresópolis conquista cada vez mais turistas pela boa mesa!