segunda-feira, 17 de junho de 2013

Circulando de metrô em Paris...


A gente sempre escuta dizer que Paris se conhece à pé, não é mesmo? Eu, na qualidade de turista/mochileira de mala de rodinha que o diga... Já gastei muita sola de sapato por lá e posso te assegurar que a melhor forma de passear em Paris é o 'combo': à pé + metrô. A menos que você possua um motorista que te leve e te espere em cada atração... Mesmo assim, você ainda vai se estressar um pouco com o trânsito.





O transporte público em Paris é muito eficiente e abrange o metrô, os trens RER ( subterrâneos nos centros e na superfície nas periferias) e os ônibus. 

Eu, particularmente, não gosto de andar de ônibus. Fico insegura com o local do desembarque e acho estressante encarar o trânsito da cidade. 

Sempre dou preferência ao metrô por duas qualidades: é fácil saber onde você tem que descer, assim é quase impossível se perder; e é bem rápido. Devemos levar em consideração ainda que o metrô possui 14 linhas e que com ele você sempre chega no seu destino, ou bem próximo dele.




Para circular de metrô e RER em Paris, você pode adquirir o ticket individual, um carnê com 10 tickets ( que sai um pouquinho mais em conta que o ticket individual), a Carte Orange/ Navigo ou o Paris Visit. 

De todas as opções, só não testei a Carte Orange/Navigo, porque é um passe semanal cuja validade sempre começa na segunda e sempre termina no domingo - nunca calhou de ser vantajoso para mim - e tem que fazer uma cartãozinho com foto, acho que é mais para morador mesmo... Mas se as datas de sua viagem coincidirem com estas, seguramente será uma boa escolha.

A pior opção é comprar o ticket individual. É mais caro, é chato ficar parando pra comprar a cada vez que entramos no metrô e, ainda tem o problema de dinheiro trocado para as maquininhas, porque não tem bilheteria física em todas as estações.

O carnê com 10 tickets é uma excelente opção se você não for andar muito de metrô... A vantagem é que comprando o carnê, você ganha um desconto e o valor de cada ticket sai mais barato. Tipo, o bilhete de 1,70 euros individual, sairá por 1,25 euros no carnê.

O teto da estação Cluny La Sorbonne

A minha opção preferida - mas é a mais cara - é o Paris Visit. Você compra o cartão para um determinado número de dias e utiliza quantas vezes quiser dentro das zonas que você escolheu no ato da compra. Esse cartão também dá desconto em algumas atrações e um brinde na Galeria Lafayette na compra de 40 €. Vou fazer um post explicando melhor sobre o Paris Visit para vocês...

Ah! Já ia me esquecendo... Nunca jogue o seu ticket do metrô fora antes de terminar o trecho da viagem - insira na catraca e pegue do outro lado -, às vezes rola uma fiscalização dentro do metrô e você será convidado a mostrar o ticket, sob pena de multa. E multa meeeesmo!!!

Bisous! Au Revoir...